Taubaté supera o Cruzeiro pela semifinal da Superliga, no tie-break

Taubaté supera o Cruzeiro pela semifinal da Superliga, no tie-break

10 de abril de 2019 0 Por AFFTVVOLEI




Nesta terça-feira (09.04), na segunda partida pela semifinal da Superliga Masculina de vôlei da atual temporada, o Taubaté recebeu o Cruzeiro, no ginásio do Abaeté. Em uma partida bem equilibrada, o time do Vale do Paraíba levou a melhor por 3 sets a 2, e fez então 2 a 0 na série semifinal e está na final da competição nacional.
No primeiro set da partida, o Taubaté se desempenhou melhor no começo. Com o ataque funcionando e o central Otávio sendo destaque pelos bloqueio e por um ponto de saque, o time do Vale do Paraíba conseguiu abrir 9 a 5 forçando a parada no jogo. Na volta, o volume de jogo do time paulista se manteve do mesmo jeito e a diferença no no marcador só aumentava. Apesar das alterações, o Cruzeiro não jogou e acabou sendo vencido por 25 a 15.




No segundo set o jogo mudou de cara. Com a entrada do experiente ponteiro Felipe, o Cruzeiro começou a se estabilizar em quadra e com o sistema de bloqueio e defesa funcionando, o time mineiro largou na frente e passou a comandar o placar. Apesar de algumas trocas na equipe do Taubaté, com a entrada de Uriarte e Abouba, a equipe mineira tinha um Sander inspirado nos ataques, portanto, acabou mantendo a vantagem no placar até o fim do set, que encerrou em 25 a 19.
Empolgado com a vitória no set anterior, o Cruzeiro começou muito bem e abriu 4 a 0 no placar logo nos primeiros pontos, forçando a parada na partida. Na volta, o Taubaté conseguiu crescer, manteve a sua virada de bola e em um bloqueio de Lucão deixou o placar em 7 a 5, fazendo com que o time mineiro pedisse tempo. Na volta, a equipe vistante melhorou em todos os fundamentos. Aproveitou melhor os ataques, defendeu, bloqueou e sacou muito melhor, conseguindo assim mudar o placar.
No fim do set, os atuais campeões da Superliga Masculina suportaram uma tentativa de reação do Taubaté, fizeram uma sequência de pontos de saque e bloqueios, ampliaram a vantagem no placar e venceram por 25 a 16, virando a partida para 2 sets a 1.
Diferentemente de todas as parciais anteriores, o quarto set começou bem equilibrado. Cruzeiro e Taubaté passaram a errar muitos saques e trocaram pontos durante a primeira metade da disputa. A igualdade se manteve durante todo o tempo, com cada momento tendo uma das equipes um pouco superior e, com isso, se mantendo na frente do placar.
O equilíbrio se manteve até o fim, com a parcial estourando os 25 pontos e a definição do vencedor ficando para as séries de vai a dois. Nela, as duas equipes passaram a ter chances de fechar. Primeiro, o Cruzeiro teve duas oportunidades para fechar o jogo, mas não conseguiu. Mais à frente, o Taubaté teve a chance de encerrar o set, até com uma bola de xeque com Lucão, que acabou tocando na rede. Apesar disso, o time do Vale do Paraíba aproveitou um contra-ataque e com Lucarelli fez 29 a 27 e forçou o tie break.




Nele, o equilíbrio se manteve. Ambas equipes trocaram pontos na maior parte do tempo, não permitindo que uma diferença no placar fosse aberta no set mais curto do jogo. Isso se manteve até que Lucarelli conseguiu um ace e Douglas Souza aproveitou um contra-ataque, abriram 12 a 9 no placar e obrigou a parada no jogo. Na volta, o time da casa conseguiu manter a vantagem no marcador e fechou o jogo em 15 a 12, finalizando o confronto em 3 sets a 2.